quinta-feira, 2 de junho de 2011

Rússia proíbe importação de carne de 39 unidades do PR


Rússia proíbe importação de carne de 39 unidades do PR


Produtos não atendem ao padrão de segurança alimentar russo. No total, são 89 processadoras afetadas no Brasil
Rússia suspenderá as importações de carnes e outros produtos de proteína animal de 89 processadoras de carnes em três Estados brasileiros a partir de 15 de junho por não atenderem ao padrão do país, disse nesta quinta-feira Alexei Alexeyenko, porta-voz do órgão para segurança alimentar, Rosselkhoznadzor, segundo a agência de notícias russa Interfax.
O embargo atinge carnes de 23 unidades do Estado de Mato Grosso, 16 delas produtoras de carne bovina; de 27 do Rio Grande do Sul, das quais 10 produzem carne de frango; e de 39 no Paraná, das quais 16 de carne de frango e 11 de carne suína.

Antes do embargo, o Brasil contava com 236 fazendas elegíveis para exportar para a Rússia.
"Essencialmente, o embargo é um voto de não-confiança nos serviços veterinários destes Estados, que não foram capazes de introduzir um sistema para atender os requerimentos da União Alfandegária", disse Alexeyenko de acordo com a agência.
Em 2010, o produto brasileiro respondeu por 35 por cento, ou 215 mil toneladas, das importações de carne suína da Rússia; 45 por cento, ou 269 mil toneladas de carne bovina; e 19 por cento, ou 121 mil toneladas, das de carne de frango.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seus comentários.